ENTRETENIMENTO

Filho de Woody Allen comenta tributo ao diretor: 'Molestou garota de 7 anos'



Ronan Farrow (foto), 26, oficialmente o único filho biológico da atriz Mia Farrow, 68, e do diretor Woody Allen, 78, lembrou uma antiga acusação de abuso sexual contra o pai ao comentar a homenagem que o cineasta recebeu neste domingo (12) no Globo de Ouro. "Perdi o tributo a Woody Allen – citaram a parte em que uma mulher confirmou publicamente que ele a molestou quando ela tinha 7 anos, antes ou depois de 'Annie Hall'?", perguntou Ronan em seu perfil no Twitter.

Ronan Farrow estava aparentemente se referindo a uma de suas irmãs adotivas, Dylan. Hoje com 28 anos, ela é filha adotiva de Allen e Mia Farrow. Em 1992, Dylan alegou que o pai teria lhe "tocado de maneira inapropriada". Inicialmente, as acusações levaram a um processo judicial, depois abandonado para que a suposta vítima fosse poupada "do trauma de testemunhar no tribunal".

Em entrevista à revista "Vanity Fair" publicada em outubro de 2013, Dylan comentou o episódio. "Há muitas coisas de que não lembro, mas o que aconteceu no sótão eu lembro. Lembro da roupa que usava naquele dia e a que não usava", afirmou. Também disse que Allen fazia com que ela se sentisse "incomodada" e acreditar que era uma "menina má".

Fonte: G1
Foto: Reproduação

Postagens mais visitadas