ENTRETENIMENTO

Em novo DVD, Anitta reduz presença do funk e faz novos arranjos para hits



Um dos maiores fenômenos da cena pop no Brasil, a superpoderosa Anitta parece ter enterrado de vez o passado no batidão funk com uma produção elaborada e uma apresentação impecável na gravação do DVD "O Fantástico Mundo de Anitta", neste sábado (15), para um público de dez mil pessoas, no HSBC Arena, no Rio de Janeiro.

Anitta abriu o show com o hit "Não Para", ao lado de um corpo de 40 bailarinos e diante de um cenário repleto de referências cênicas que ajudavam a marcar o ritmo da apresentação. As imagens projetadas, o cenário e o figurino dos bailarinos criavam um clima ora fantasmagórico, ora angelical, cronologia seguida pelo set list, com as músicas mais "poderosas" ("Menina Má", "Proposta" e "Cachorro eu tenho em casa") na primeira parte. Na segunda parte da apresentação, uma Anitta mais romântica apresentou as inéditas "Quem Sabe", "Música de Amor" (escrita por uma fã) e "Cobertor", que Anitta dividiu em parceria com o rapper Projota, único convidado especial do DVD e que foi chamado de volta ao palco em cima da hora para mais uma música ("Mulher"), o que parecia não estar previsto no script.

O indefectível shortinho jeans, uniforme das funkeiras, deu lugar a um figurino mais comportado, composto por um macaquinho repleto de brilhos e paetês, e longas botas brancas.

O hit que alavancou a carreira de Anitta foi escolhido para encerrar a apresentação: "Show das Poderosas" ganhou introdução especial, riffs de guitarra e uma explosão de serpentina e papeis picados sobre todo o público, em um "grand finale". Houve ainda duas músicas no bis, com as inéditas "Blá, Blá, Blá" e "Música de Amor".

Fonte: UOL Entretenimento
Foto: Felipe Assumpção e Léo Marinho/AgNews

Postagens mais visitadas