ENTRETENIMENTO

Brasileiro de "Game of Thrones" diz que até ele odeia seu personagem



Com aparições rápidas, mas marcantes em "Game of Thrones", Robin tem sido comparado ao rei Joffrey (Jack Gleeson), um dos personagens mais detestados da série. "Acho que o Robin já é odiado. Até eu o odeio às vezes", brincou. "O Joffrey é sádico, faz as coisas com maldade, mas o Robin só é louquinho, sem noção. Como ele nunca foi machucado, não percebe que pode machucar os outros. Tudo para ele é um brinquedo. No fundo, ele só é chatinho", afirmou.

Orientado pelos pais, Lino não assiste aos episódios de "Game of Thrones" nem lê os livros em que a série é inspirada. Tudo o que ele sabe sobre a história vem dos roteiros - ele só recebe os capítulos em que seu personagem aparece - e das conversas com outras pessoas. Por esse motivo, o ator tem poucas informações sobre o destino de Robin, mas está ciente de que seu personagem - assim como todos na série - pode morrer a qualquer momento. "Sempre tem aquele risco. Ainda mais ele [Robin] que é um cara meio doentinho. Pode ser que passe mal e morra", disse.

Apesar de temer o destino de Robin, Lino está empolgado com a possibilidade de morrer na série. "Até que seria interessante fazer uma cena de morte", disse. Questionado sobre como gostaria que seu personagem morresse, o ator afirmou: "De alguma doença ou uma morte bem sangrenta".

Em 2011, Lino teve a oportunidade de conhecer George R.R. Martin, criador da série literária "As Crônicas de Gelo e Fogo", na qual "Game of Thrones" é baseada. "Ele foi super legal e me levou para conhecer o set onde fica o trono de ferro". Sobre o objeto, Lino disse que quando iluminado, realmente parece ser de ferro, mas na realidade é de fibra de vidro.

Fonte: UOL Entretenimento
Foto: Reprodução

Postagens mais visitadas