ENTRETENIMENTO

Tony Iommi diz que show em julho pode ser o último do Black Sabbath



O guitarrista do Black Sabbath, Tony Iommi, disse em entrevista à revista britânica "Metal Hammer" que a apresentação no festival BST Hyde Park, em 4 de julho, pode ser a última do grupo.

"Pode ser o último show do Sabbath. Não quero que seja, mas realmente não há nada planejado, em termos de turnê, para depois desse show, então todos sabemos que isso poderia ser verdade", afirmou o músico em trecho reproduzido nesta quarta-feira (14) no site da publicação.

O evento acontece em Londres e tem ainda na escalação os grupos Soundgarden, Faith No More, Motörhead, Soulfly, Hell, Bo Ningen e Wolfmother.

"Para ser honesto, não quero estar em turnês longas por mais tempo, porque isso me faz sentir tão mal", prosseguiu o guitarrista. Em janeiro de 2012, Iommi foi diagnosticado com um linfoma de estágio inicial. No final daquele mesmo ano, ele chegou publicar em seu site oficial um texto, em tom otimista, dizendo que faria shows "até quando fosse possível".

À "Metal Hammer", no entanto, ele voltou a demonstrar preocupação. De acordo com a revista, o guitarrista terminou um tratamento em março e agora espera uma "atualização quanto às suas condições de saúde".

Sobre o festival de julho, Iommi comentou: "O show no Hyde Park será uma maneira incrível de terminar a turnê europeia.

Em outubro do ano passado, o Sabbath, que é formado ainda por Ozzy Osbourne nos vocais, Geezer Butler no baixo e Tommy Clufetos na bateria (ele substitui Bill Ward, o integrante original), passou pelo Brasil. Fez shows no Rio, em São Paulo e Porto Alegre.

Fonte: G1
Foto: Reprodução

Postagens mais visitadas