ENTRETENIMENTO

Por sucesso na TV, padre Marcelo Rossi é investigado por mais de dez anos pelo Vaticano



Padre Marcelo Rossi passou por uma longa investigação do Vaticano, que teve início nos anos 1990 e durou até cerca de quatro anos atrás.

Tudo começou depois que um religioso brasileiro o acusou de culto ao personalismo, exibicionismo por ir demais a programas de TV, e desvirtuar as práticas católicas, segundo o colunista Ricardo Feltrin.

A investigação teria sido liderada pela Congregação para a Doutrina da Fé, que na época era comandada pelo cardeal Joseph Ratzinger, o Papa Bento XVI.

Para que o caso fosse estudado com mais detalhes, teria sido, inclusive, enviado à Congregação diversos vídeos das participações de Marcelo Rossi nos programas de Xuxa Meneghel, Gugu Liberato e Fausto Silva.

Fonte: MSN
Foto: Reprodução TV

Postagens mais visitadas