ENTRETENIMENTO

No “Programa da Tarde”, empresa se irrita e afirma que Record "não tem boa índole"



A Record passou por uma situação complicada na tarde desta terça-feira (24) no “Programa da Tarde”. Durante o quadro "Patrulha do Consumidor", apresentado por Celso Russomanno, uma empresa disse que o canal “não tem boa índole”.

Tudo começou quando o deputado federal explicou o caso de um rapaz que deixou seu celular na assistência técnica, em São Paulo, mas o aparelho sumiu da loja. Russomanno ligou para a empresa, que não gostou de estar no ar.

O representante da empresa avisou que eles fariam uma auditoria interna para entender o que houve e atacou o canal dizendo que "não é uma emissora de boa índole" para cobrar alguma coisa deles.

Logo depois, a produção cortou a ligação e Britto Jr. avisou que o corpo jurídico da Record estudará se tomará alguma providência contra a empresa.

Vale lembrar que esta não é a primeira polêmica envolvendo o quadro. Recentemente, uma empresa acusou Celso Russomanno e o "Programa da Tarde" de fazerem uma denúncia baseada em informações que não eram verídicas.

O caso, que foi ao ar no dia 28 de janeiro, dizia que um casal foi barrado na porta da festa de casamento por falta de pagamento. No Facebook, a empresa alegou que o canal não checou a veracidade dos fatos.

Fonte: MSN
Foto: Divulgação

Postagens mais visitadas