Entretenimento: De Nova York a Cingapura, fãs fazem fila para comprar o novo 'Harry Potter'

De Nova York a Cingapura, fãs fazem fila para comprar o novo 'Harry Potter'



De Nova York a Cingapura, centenas de fãs fizeram fila neste domingo (31) para comprar à meia-noite os primeiros exemplares de "Harry Potter e a Criança Amaldiçoada", uma adaptação da peça de teatro que estreou neste sábado (30) em Londres.

Em Nova York, mais de 500 pessoas se aglomeraram na maior livraria da cidade, a Barnes & Noble de Union Square, e receberam com aplausos o carregamento de livros de seu personagem preferido.

Kate D'Auria, de 24 anos, foi a primeira a sair da loja com um exemplar nas mãos. Estava esperando há seis horas e disse que ficaria acordada a noite toda lendo.

No Brasil, o lançamento do livro em inglês mobilizou eventos em pelo menos 16 cidades. A versão em português sai apenas em 31 de outubro, com pré-venda já a partir de 16 de agosto.

Primeiros da fila
Entusiasmo foi visto também em Cingapura, onde cerca de 300 pessoas esperaram na porta da livraria Kinokuniy, que abriu às 07h01 (20h01 de Brasília de sábado) e colocou à venda os primeiros exemplares do mundo do oitavo livro da saga.

Samantha Chua, uma estudante de 24 anos, a primeira na fila junto ao namorado, chegou às cinco da manhã à livraria, situada em um shopping center. "Chegamos tão cedo que o shopping ainda não estava aberto e precisamos subir no elevador de carga", contou, ressaltando que "valeu a pena".

"Cresci lendo estes livros e eles têm um lugar especial em minha biblioteca pessoal, mas este será minha coroação", disse Chua, que vestia uma camiseta de Harry Potter.

Dezenove anos depois dos fatos relatados em "Harry Potter e as Relíquias da Morte", o sétimo e último livro da saga da escritora britânica J. K. Rowling publicado em 2007, as aventuras do menino bruxo seguem tendo o mesmo sucesso.

Em Bangcoc, 40 fãs, muitos vestidos de bruxos e segurando varinhas, se reuniram à noite diante de um grande centro comercial da capital tailandesa para comemorar a publicação da obra.

O primeiro da fila era Sanpipat Huangsawat, de 29 anos, que chegou no sábado às 18h30, e precisou esperar onze horas antes de comprar o livro. "Estou muito feliz, é genial ser o primeiro a ter o livro na Tailândia", afirmou.

O mesmo entusiasmo foi mostrado por Sheryans, um jovem de 16 anos. "Acompanho a série 'Harry Potter' desde que tinha oito anos e é incrível que consigam mantê-la nove anos mais tarde", disse.

Fonte: G1
Foto: Neil Hall/Reuters
Página anterior Próxima página